funcional com kettlebell

Funcional ou musculação: descubra a melhor modalidade para começar a treinar

Funcional ou musculação: descubra qual é a melhor e mais eficaz modalidade

Quando você decide começar a se exercitar, as dúvidas são inúmeras. Qual modalidade escolher? Quanto tempo tenho disponível? Qual local é mais fácil de ir treinar? É melhor funcional ou musculação? Vou precisar de Personal Trainer ou a academia é o suficiente? Em qual ambiente prefiro treinar?

Para te ajudar na decisão do tipo de treino, trouxemos um compilado das informações mais importantes que você precisa ter em mente na hora de escolher entre funcional e musculação.

A primeira coisa que você precisa entender é que eles não são treinamentos opostos. Cada um possui suas particularidades e aplicações, mas não são antagônicos. É possível inclusive conciliar as duas formas de treino, dependendo do seu objetivo.

Vamos conhecer um pouco mais sobre funcional e musculação?

Quais são as diferenças entre funcional e musculação?

Treinamento funcional é uma modalidade que consiste principalmente em melhorar a funcionalidade corporal, a coordenação motora e a consciência corporal através de movimentos que imitam atividades do dia a dia, como correr, pular, agachar, arremessar, puxar etc.

Foco do treino

Uma das principais características do funcional é a personalização. Ou seja, por mais que a definição básica seja a que apresentamos, é possível adaptar as aulas de acordo com o que você busca nos exercícios.

Por essa característica principal do funcional, pode-se dizer que ele pode ser tanto um treino de força quanto aeróbico, e pode servir para fins diferentes dos convencionais, como reabilitação, melhora de flexibilidade, mobilidade e equilíbrio.

Já a musculação é um treino de força que utiliza principalmente aparelhos específicos para a execução dos exercícios. O foco pode ser tanto a hipertrofia quanto desenvolvimento de força e resistência.

grupo fazendo musculação

Acompanhamento individualizado

A musculação geralmente é buscada em academias e os treinos não costumam ser planejados considerando a individualidade dos alunos, enquanto o treinamento funcional costuma ter acompanhamento individualizado, com maior proximidade entre o professor e o aluno e ocorre em estúdios próprios para tal.

O acompanhamento no funcional muitas vezes é o diferencial que define o sucesso dos exercícios.

Estímulo muscular e equipamentos

Na prática, a principal diferença técnica está na forma de estimulação dos músculos. Enquanto a musculação exercita músculos ou grupos musculares isoladamente, o treinamento funcional exercita vários grupos simultaneamente no mesmo exercício.

Outra diferença bastante relevante é que os treinos de musculação são estruturados contando com aparelhos, como o leg press, a cadeira extensora e a cadeira adutora, por exemplo. Já no treinamento funcional, prioriza-se a execução dos exercícios utilizando o peso do próprio corpo ou equipamentos como halteres, anilhas, kettlebells,entre outros.

Alguns equipamentos podem estar presentes em ambos os treinos, como as anilhas, os halteres e as barras, porém a estrutura do treinamento será sempre diferente.

A diferença de equipamentos utilizados se dá justamente pela diferença de proposta de cada uma das modalidades. O treinamento funcional tem como objetivo melhorar capacidades funcionais utilizadas na rotina, como já explicamos no começo do texto, portanto realizar movimentos menos dependentes de equipamentos é essencial. Enquanto isso, na musculação o principal foco é aumentar a massa muscular em partes isoladas do corpo, portanto os equipamentos são necessários.

Motivação

A motivação é o principal motivo que leva os alunos a desistirem da prática de exercícios. Infelizmente, a falta de motivação na musculação costuma ter relação com a monotonia do treino, que muitas vezes acaba sendo maçante.

Principalmente para iniciantes que ainda não tem familiaridade com a rotina de exercícios, o treinamento funcional pode ser uma opção mais atrativa para se manter motivado. Os exercícios nos treinos funcionais são mais dinâmicos, o acompanhamento próximo é um ponto chave da motivação e ainda há a possibilidade de treinar em grupo.

Para facilitar a visualização das principais diferenças, resumimos as mesmas em uma tabela para você:

 Treinamento FuncionalMusculação
Foco principalAperfeiçoar movimentos e competências do dia a diaHipertrofia
AcompanhamentoGeralmente personalizadoGeralmente com o professor da academia
EquipamentoPeso do próprio corpo, kettlebell, anilhas e halteresPrincipalmente aparelhos
Estímulo muscularVários músculos simultaneamenteGrupos musculares isolados
MotivaçãoTreinos dinâmicosExercícios mais monótonos

Quais são os benefícios do treinamento funcional?

Cada uma das modalidades apresenta diversos benefícios, conheça os do funcional:

  • Melhora na coordenação motora
  • Melhora na consciência corporal
  • Promove maior equilíbrio e flexibilidade
  • Melhora no desempenho cardiorrespiratório
  • Promove ganho de força
  • Muito eficaz no emagrecimento
  • Ajuda a desenvolver autonomia
  • Melhora a execução de movimentos do dia a dia
  • Previne lesões

Quais são os benefícios da musculação?

A musculação também oferece vantagens interessantes aos seus praticantes, como:

  • Possibilidade de treinar músculos isolados
  • Promove ganho de força
  • Melhora densidade óssea
  • Ajuda a emagrecer
  • Melhora a postura
  • Retarda a perda de massa muscular ocasionada pelo envelhecimento
  • Melhora o desempenho cardiorrespiratório
funcional ou musculação para hipertrofia

“O melhor treino para hipertrofia é a musculação”, mito ou verdade?

Mito! O treinamento funcional é tão eficaz quanto a musculação para hipertrofia. A diferença é o planejamento do treino e os equipamentos.

Não esqueça que quem faz a maior parte do treinamento é você. Se você começou a frequentar uma academia de musculação porque ouviu dizer que assim é a melhor forma de aumentar seus músculos, mas você não treina da forma correta, não é a modalidade que fará isso por você.

Se o melhor treino para hipertrofia fosse a musculação, os praticantes de CrossFit não seriam musculosos como são – e o CrossFit pode ser considerado uma forma de treinamento funcional.

“Treinamento funcional só serve para emagrecer”, mito ou verdade?

Mito também! O treinamento funcional é adaptável de acordo com o objetivo de quem o pratica. É possível aumentar a massa muscular, adquirir mais resistência e condicionamento físico, melhorar a mobilidade e flexibilidade e também emagrecer através dos treinos.

A origem do mito é bem simples: o treinamento funcional se popularizou por ser uma alternativa àquelas pessoas que desejavam emagrecer, mas não se adaptavam à clássica combinação de musculação com treinos aeróbicos.

Hoje em dia o treinamento funcional é o queridinho de muitas pessoas que desejam emagrecer, mas não é o único foco possível da modalidade.

Então qual é o melhor: funcional ou musculação?

Depende do seu objetivo! Cada pessoa tem necessidades, limitações e particularidades diferentes, que fazem com que um ou outro tipo de treinamento seja melhor para essa pessoa em questão. A melhor modalidade vai ser a que:

  • Vai trazer os resultados específicos que você procura
  • Você se adapta melhor e consegue praticar com regularidade
  • Você realmente se dedica e se esforça nos treinos
  • É compatível com a sua rotina e recursos

Se você busca emagrecer, praticar exclusivamente musculação pode não ser a melhor estratégia, já que o gasto calórico desta modalidade é inferior a outras como o treinamento funcional e atividades aeróbicas.

Não esqueça que para chegar ao seu objetivo, outras variáveis são importantes, como a alimentação, o sono, o tempo de descanso entre um treino e outro e o quanto você se movimenta ao longo do dia, quando não está treinando.

O treinamento físico é apenas uma parte de uma série de cuidados que você tem que ter para atingir a sua meta. Negligenciar as outras áreas prejudica seu desempenho e deixa o processo muito mais lento e com menor eficácia.

Seja qual for a sua escolha, saiba que ambas trazem diversos benefícios para a saúde, principalmente na prevenção de doenças crônicas. Entre essas duas modalidades, não existe uma boa e outra ruim, e sim uma mais adequada para a sua necessidade e outra nem tanto.

Se você prefere investir em personalização e acompanhamento individualizado em um ambiente privativo, saiba que o Studio Medina Plus tem um time de professores capacitados para acelerar seu progresso e fazer você chegar mais longe!

ADD COMMENT

Open chat